Trump chama de ‘repugnantes’ neonazistas, KKK e grupos que pregam supremacia branca

14 Ago 2017 em Mundo, Notícias

2017-08-14t165732z-950443367-rc1278cf56c0-rtrmadp-3-virginia-protests

O presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou nesta segunda-feira (14) que determinou uma investigação sobre o ataque que matou uma mulher em Charlottesville, e assegurou que os envolvidos no incidente serão punidos.

A investigação, segundo Trump, vai envolver o FBI e o procurador-geral do país, Jeff Sessions. “Não vamos poupar recursos parar proteger cidadãos americanos”, garantiu, dois dias após os confrontos.

No pronunciamento, o mandatário chamou de “repugnantes” grupos neonazistas e entidades que pregam a supremacia branca, e disse que o racismo é “perverso”.

No sábado (12), Charlottesville foi palco confrontos de integrantes da supremacia branca com grupos anti-extremistas. Um homem de 20 anos jogou o carro que dirigia contra um grupo que protestava contra a supremacia branca, matando uma mulher e deixando pelo menos 19 feridos.

Fonte: G1

Coreia do Norte compara Donald Trump a Hitler

27 Jun 2017 em Mundo, Notícias

kushner-trump

A Coreia do Norte comparou o presidente americano, Donald Trump, ao líder nazista Adolf Hitler, em um editorial da agência estatal KCNA.

A política do presidente americano é uma forma de “nazismo do século XXI”, afirma o editorial de KCNA ao criticar o slogan “America First” (América em Primeiro Lugar) de Trump.

“O princípio América em primeiro lugar defende a dominação mundial por meios militares, como foi o caso com o conceito de ocupação mundial de Hitler”, escreveu a agência norte-coreana.

Trump segue “a política ditatorial de Hitler” para dividir os outros em duas categorias, “amigos e inimigos”, para justificar a “supressão” dos últimos, completa.

A Coreia do Norte tem o hábito de ofender os seus inimigos. Na semana passada, Pyongyang chamou Trump de “psicopata” em um contexto de tensão pela morte do estudante americano Otto Warmbier, repatriado em estado de coma aos Estados Unidos depois de passar alguns anos detido em uma prisão norte-coreana.

Fonte: G1

União Europeia impõe multa ao Google de € 2,4 bilhões por abuso de poder econômico

27 Jun 2017 em Mundo, Notícias

google-logo-g1

A Comissão Europeia, órgão executivo da União Europeia, aplicou nesta terça-feira (27) uma multa recorde de € 2,4 bilhões ao Google por ter abusado de seu domínio nas buscas na internet para favorecer seu comparador de preços, o Google Shopping.

O Google informou em nota que estuda recorrer da multa, calculada com base na receita da empresa nos 13 países que compõem a área econômica europeia. Em casos de acusações de abuso de posição dominante, a maior multa emitida até então pela Comissão Europeia havia sido de € 1,06 bilhão contra a Intel, em 2009.

Além de ter de arcar com a multa bilionária, o Google terá de:

 

  • Aplicar aos concorrentes o mesmo posicionamento e forma de exibição que dá a seus serviços.
  • Explicar à UE como vai equiparar seus próprios serviços e o dos rivais, além de se submeter ao monitoramento do bloco europeu.

Caso o Google descumpra as determinações, estará sujeito a pagar até 5% da receita diária obtida pela Alphabet, sua empresa-mãe. A UE informa que a decisão no âmbito das leis antitruste não impede que a empresa seja alvo de ações judiciais nos países que fazem parte do bloco.

 Abuso de poder

Margrette Vestager, a comissária europeia para concorrência, afirmou, em nota, que “o que o Google fez é ilegal de acordo com as regras antitruste da EU”.

“Google criou muitos produtos e serviços inovadores que fizeram a diferença em nossas vidas. Essa é uma coisa boa. Mas a estratégia do Google para seu serviço de comparação de compras não era só para atrair consumidores ao fazer seu produto melhor do que o de outros rivais”, disse a comissária.

Fonte: G1

Mercado da cannabis nos EUA passa a atuar no tratamento de pets

21 Jun 2017 em Mundo, Notícias

000-pe126

É bem cedo, acaba de passar a hora da refeição matinal e Cayley, de seis anos, se mostra inquieta enquanto espera por sua dose de cannabis.

Cayley, um labrador preto fêmea, balança o rabo e dá voltas enquanto seu dono, Brett Hartmann, coloca na sua boca umas gotas da substância líquida que ela toma de manhã e à noite para aliviar a ansiedade.

“Desde que passamos a lhe dar o CBD (Canabidiol, um extrato de maconha), a ansiedade da separação acabou”, conta Hartmann, de 30 anos, sobre seu animal de estimação, uma cadela de serviço que o acompanhou durante seus anos universitários porque ele sofria de epilepsia.

Hartmann, que vive perto de Los Angeles, explicou que começou a dar maconha medicinal à Cayley quando sua doença foi controlada e ele deixou de precisar que ela o acompanhasse a todos os lados.

“Eu a aposentei, e ela não soube lidar bem com a transição, mas o CBD realmente funcionou”, explica Hartmann, que tem, ainda, um cão salsicha que também recebe o tratamento.

Assim, enquanto a indústria bilionária da maconha medicinal e recreativa segue crescendo nos Estados Unidos, os consumidores se multiplicam, e os animais também estão no radar.

“Estamos buscando crescer 20% a cada mês”, diz Alison Ettle, fundadora da Treat Well, uma companhia com sede na Califórnia que se especializa em produtos não psicoativos de cannabis para animais e humanos.

Fonte: G1

Rússia pode ter matado líder do Estado Islâmico, diz ministro da Defesa

16 Jun 2017 em Mundo, Notícias

abu-baghdadi

O ministro da Defesa da Rússia afirmou nesta sexta-feira (16) que um ataque aéreo russo pode ter matado o líder do Estado Islâmico, Abu Bakr al-Baghdadi, informou a agência Tass. A coalizão, que é liderada pelos Estados Unidos, não consegue confirmar a informação, segundo a Associated Press.

O ataque que pode ter matado al-Baghdadi foi feito em 28 de maio em Raqqa, cidade no centro-norte da Síria que é o principal reduto do grupo terrorista no país, de acordo o ministro Sergei Shoigu.

O alvo do bombardeio era um encontro de líderes do Estado Islâmico. “Informações que estão sendo checadas por diversos canais indicam que o líder do Estado Islâmico, Abu Bakr al-Baghdadi, que foi eliminado pelo ataque aéreo, também estava participava do encontro”, informou o ministério segundo a agência de notícias RIA.

Fonte: G1

Incêndio atinge prédio de 24 andares e deixa 6 mortos em Londres

14 Jun 2017 em Mundo, Notícias

incendio-londres

IO grande incêndio que atingiu e destruiu um prédio de 24 andares e 120 apartamentos, na zona oeste de Londres, na Inglaterra, na madrugada desta quarta-feira (14), deixou ao menos seis mortos e 74 feridos. Não há informações sobre o que teria provocado as chamas na Grenfell Tower, que passou por uma reforma em 2016.

A Polícia confirmou pelo menos seis mortes e disse que esse número deve aumentar no prédio construído em 1974, em North Kensigton, no oeste da cidade. Embora tenham cogitado mais cedo, os bombeiros descartaram o risco de desabamento. O edifício fica a 2,7 km da residência do príncipe Willian e da sua mulher, Kate Middleton.

Polícia identifica 3º suspeito do ataque com 7 mortos em Londres

06 Jun 2017 em Mundo, Notícias

3-terrorista

A polícia britânica divulgou a identidade do 3º terrorista envolvido no ataque em Londres, ocorrido na noite de sábado (3). Youssef Zaghba, que teria origem ítalo-marroquina, não estava nos radares do serviço de inteligência. Em comunicado divulgado nesta terça-feira (6), a polícia afirmou que ele tinha 22 anos e vivia no leste da capital britânica.

No sábado (3), três terroristas usaram uma van para atropelar pedestres na London Bridge e ainda golpearam várias pessoas com facas. Sete pessoas morreram e quase 50 pessoas ficaram feridas. Os três agressores foram mortos pela polícia.

O jornal italiano “Corriere Della Sera” afirma que mãe de Zaghba é italiana e o pai, marroquino. O periódico diz ainda que, em 2016, ele foi detido ao tentar embarcar para Turquia, com a intenção de seguir até a Síria.

Na segunda-feira, a polícia britânica divulgou a identidade de dois terroristas: Khuram Shazad Butt e Rachid Redouane.

Khuram Shazad Butt, de 27 anos, era britânico de origem paquistanesa. Ainda de acordo com a polícia, ele era “conhecido das autoridades”, mas nada indicava que um ataque estava sendo planejado. De acordo com a BBC, ele era casado e tinha filhos.

Fonte: G1

Trump critica investigação sobre Rússia e pede depoimento de ex-assessor Carter Page

31 Mai 2017 em Mundo, Notícias

kushner-trump

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pediu nesta quarta-feira (31) que o Congresso ouça o depoimento de um ex-assessor de política externa como parte de suas investigações sobre a Rússia. Para o chefe de estado americano, Carter Page vai contestar o testemunho de ex-autoridades do FBI e de agências de inteligência.

“Então agora é relatado que os democratas, que esfolaram Carter Page sobre a Rússia, não querem que ele testemunhe. Ele rebate a acusação deles contra ele e agora quer limpar seu nome ao mostrar ‘o testemunho falso ou enganoso de James Comey, John Brennan…’ Caça às bruxas!”, escreveu Trump no Twitter, se referindo aos ex-diretores do FBI e da CIA.

Fonte: G1

 

Homem é detido na investigação do atentado de Manchester; Estado Islâmico reivindica a ação

23 Mai 2017 em Mundo, Notícias

britain_ariana_grande_fran_1_ZIxQqVl

A polícia britânica anunciou a detenção nesta terça-feira (23) em Manchester de um homem de 23 anos supostamente relacionado com o atentado que deixou 22 mortos nesta cidade do noroeste da Inglaterra, segundo a BBC, a France Presse e a Associated Press. A explosão, que aconteceu logo após show da cantora americana Ariana Grande, deixou ainda 59 feridos. O Estado Islâmico reivindicou o ataque.

Doze crianças estão as vítimas gravemente feridas, de acordo com os serviços de saúde britânicos.

A premiê britânica, Theresa May, afirmou, nesta manhã, que a polícia acredita ter identificado o homem-bomba que detonou um artefato caseiro, mas ainda não foram divulgadas informações sobre o suspeito. O ataque não foi reivindicador por nenhum grupo terrorista.

 

  • Explosão na saída da Manchester Arena deixou 22 mortos e 59 feridos
  • Crianças que assistiram ao show da cantora Ariana Grande estão entre as vítimas
  • Homem-bomba morreu no ataque e suspeito de 23 anos foi detido
  • Estado Islâmico reivindicou o ataque

Fonte: G1

Coreia do Norte diz que míssil testado está pronto para produção em massa

22 Mai 2017 em Mundo, Notícias

kim

A Coreia do Norte disse nesta segunda-feira (22) que testou com sucesso um míssil balístico intermediário que satisfez todos os requisitos técnicos e que agora pode ser produzido em massa, indicando avanços em sua ambição de ser capaz de atingir os Estados Unidos, segundo a Reuters.

Pyongyang lançou o míssil nas águas de sua costa leste no domingo (21), em seu segundo teste em uma semana, o que a Coreia do Sul disse acabar com as esperanças de seu novo governo liberal, comandado pelo presidente Moon Jae-in, de paz entre os países vizinhos.

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong Un, supervisionou o teste do míssil Pukguksong-2, que confirmou orientação confiável da ogiva nuclear em fase tardia e o funcionamento de um motor de combustível sólido, informou a agência de notícias estatal KCNA.

A agência relatou que Kim disse que o Pukguksong-2 satisfez todas as especificações técnicas necessárias e por isso deve ser produzido em massa e utilizado pela unidade de batalha do Exército Popular da Coreia.

No último dia 15, Pyongyang lançou o Hwasong 12, um novo míssil de médio alcance que foi avaliado como um avanço importante na corrida armamentista do regime norte-coreano.

Fonte: G1


SIDY'S NAS REDES SOCIAIS



Botch das divs centrais
COPYRIGHT 2014 - SIDY’S TV A CABO | DESENVOLVIDO PELA TAG CRIATIVA | CAIO VIDAL